segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

parte do segredo do universo

Faz tempo que tenho me policiado. Ando tomando um certo cuidado com as palavras, com as atitudes, com os olhares... se não estivesse acontecendo comigo, talvez eu nem acreditasse que fosse possível ter tanta certeza do que se quer e do que se pensa e mesmo assim não demonstrar isso, não conseguir demonstrar isso. Ou saber, mas agir sem pensar, ou deixar de agir. No meio disso tudo guardo uma certeza esquisita, sabe? Às vezes não sei bem os motivos, ou mesmo sabendo os prós e contras, eu ainda sinto essa certeza. Sem saber muito dos porquês, ou sabendo e não entendendo, ou sabendo e entendendo, é apenas o que eu sinto. E se por algum motivo o destino resolveu que eu deveria sentir isso, perda de tempo seria ignorar, vou tentar ir trilhando meus caminhos e levando essa sensação comigo, lutando aos pouquinhos. De novo deixei de dizer muito do que gostaria aqui, e nas coisas que mostrei, apenas espero não ter me expressado mal, ou que não me entendam mal. Talvez eu consiga expressar tudo isso na fala, ou talvez novamente ela me traia. Mas sigo acreditando do modo como gostaria de ser acreditada. (...)

4 comentários:

  1. olá amiga adorei seu blog muito bom mesmo olha ja estou te seguindo por favor me segue tb http://cabelosescuros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Caroline, parabéns pelo blog,
    seguindo....

    http://1000artemanhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. que orgulho que eu tenho de ti.

    ResponderExcluir